Notícias – Faculdades Pequeno Príncipe

Notícias

Lançamento do Google For Education

A FPP uniu-se ao Google for Education para aprimorar e tornar mais produtivo o ambiente educacional

Entenda como as ferramentas do Google poderão ajudar na sua organização e produtividade acadêmica. A live de lançamento será no dia 20 de outubro (terça-feira), às 17h30, no canal do Youtube da FPP, com Fernanda Alves e Leonardo Sfoggia.

 

Fernanda Alves: gerente de transformação digital na Nuvem Mestra, Google Trainer e Google Innovator. Doutora em Teoria e História Literária pela Unicamp, faz parte do time da Nuvem Mestra. Atualmente lidera a equipe pedagógica e os projetos de transformação digital, além de ser professora de Metodologia do Ensino de Espanhol na FEUSP.

Leonardo Sfoggia: coordenador do Programa Aluno Tutor Ensino Superior. Formado em Administração de Empresas das Faculdades Integradas São Judas Tadeu, hoje atua na gestão do programa junto a Nuvem Mestra Premier Partner Google For Education. Atua na implementação de ferramentas Google em ambientes educacionais e empresariais e, por meio do programa Aprendiz Legal, promove a integração de jovens no mundo do trabalho.

 

Inicia-se agora uma jornada de inovação e você também é parte disso. Seja bem-vindo!

Participe!

Acelere a sua carreira!

Nos dias 22 e 29 de outubro e 5 e 12 de novembro, às 18h, o NEmp promove uma série de encontros com o objetivo de impulsionar a empregabilidade dos acadêmicos e egressos da FPP, preparando-os para a entrada ao mercado de trabalho.

Os encontros serão mediados pela Bruna Prado e professoras Margareth Grassani e Hellen Farias.

Confira a programação:

22/10 – Currículo Vitae, Vídeo Currículo e Linkedin;
29/10 – Entrevista de Emprego presencial e on-line;
05/11 – Dinâmicas de grupo e Gamificação;
12/11 – Autoconhecimento e Competências Profissionais.

Os participantes receberão 3 horas de atividades complementares.

Clique aqui e inscreva-se!

Para mais informações entre em contato: (41) 3310-1504 e nucleo-empregabilidade@fpp.edu.br.

Programas de Residência: confira a data das provas

Em breve serão divulgados os editais para os programas de Residência da FPP para  2021.

Confira previamente as datas das provas objetivas:

  • A prova objetiva do HPP para a Residência Médica, Áreas de Atuação, Medicina da Família e Comunidade e Especialidades será realizada no dia 05/12/2020, pela manhã.
  • A prova objetiva da FPP será no dia 13/12/2020,  pela manhã.
  • A prova objetiva da SMS São José dos Pinhais será no dia 17/01/2021, pela manhã.
  • A prova objetiva  da SMS de Curitiba será no dia 24/01/2021, pela manhã.

 

Fique de olho nos meios de comunicação da FPP e saiba mais em breve!

Resultado do processo seletivo para o Programa de Iniciação Científica Voluntária – Deficiência Intelectual e Autismo

A Faculdades Pequeno Príncipe torna público o edital que divulga o resultado da seleção do processo seletivo para ingresso no Programa de Iniciação Científica Voluntária “Deficiência Intelectual e Autismo: Caracterização Clínica e Genética de uma População do Sul do Brasil”, com a Profª Drª Rosiane Guetter Mello.

Clique aqui e confira!

A orientadora entrará em contato com os aprovados.

Processo seletivo para Transferência Externa e Reaproveitamento de Curso

Confira o edital válido para cursos de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia e Psicologia e o edital válido para Medicina

 

Cursos de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia e Psicologia

Processo Seletivo para Transferência Externa Dependente de Vaga e Reaproveitamento de Curso para os Cursos de Graduação em Biomedicina, Enfermagem, Farmácia e Psicologia, para o 1º semestre de 2021.

Transferência: quando o candidato for estudante externo à FPP em curso de graduação em uma instituição de Ensino Superior do Brasil.

Reaproveitamento de Curso: quando o candidato houver concluído um curso de graduação em uma instituição de Ensino Superior do Brasil e for portador de diploma devidamente registrado.

As inscrições ocorrerão no período de 09/11/2020 à 24/01/2021.

Clique aqui e saiba mais informações.

Inscreva-se (a partir de 09/11/2020) para:

Transferência Demais Cursos 2021/1

Reaproveitamento Demais Cursos 2021/1

 

Cursos de Medicina

Os candidatos serão selecionados a partir do Processo Seletivo para Transferência Dependente de Vaga para o curso de Medicina, para ingresso no 1º semestre de 2021.

Transferência: quando o candidato for estudante externo à FPP em curso de graduação em uma instituição de Ensino Superior do Brasil.

As inscrições ocorrerão no período de 09/11/2020 à 24/01/2021.

Clique aqui e saiba mais informações.

Inscreva-se aqui (a partir de 09/11/2020).

Veja como foi o XVII Enepe

Realizado de forma remota evento teve 159 produções de acadêmicos e docentes de graduação, pós-graduação Lato e Stricto Sensu e do programa de residência da FPP

O XVII Enepe foi histórico e marcante, isso porque pela primeira vez o Encontro de Ensino Pesquisa e Extensão foi realizado de forma totalmente remota, devido às questões de distanciamento social. Nesta edição o Encontro, que é organizado pela Direção de Extensão, recebeu 159 inscrições de produções acadêmicas dos alunos e docentes de graduação, pós-graduação Lato e Stricto Sensu e do programa de residência da FPP. Além da participação de 66 docentes como avaliadores das apresentações.

Durante seu discurso de abertura a Diretora Geral da FPP, Dra. Patricia Forte Rauli, falou sobre a realização do evento. “Esse é um encontro com a ética, com a transformação social e com a vida humana. O ENEPE é uma oportunidade de muito aprendizado e compartilhamento de produções”. Diretora Geral, Dra. Patricia Forte Rauli.

O ENEPE oportuniza e incentiva a produção científica, uma vez que um dos objetivos do Encontro é justamente integrar e disseminar as produções realizadas anualmente. Tudo isso está diretamente relacionado ao trabalho desenvolvido pela FPP enquanto instituição de ensino. “Esse é o momento de dar visibilidade a todos os trabalhos realizados durante disciplinas, projetos e atividades acadêmicas. Durante a formação acadêmica dos cursos da FPP são inúmeras as oportunidades para desenvolver o espírito investigativo e produzir resultados de relevância, seja para aprofundamento de conhecimentos científicos ou para contribuir com a prática em saúde”, destacou a Diretora Acadêmica, profª Dra. Ivete Palmira Sanzon Zagonel.

Durante a abertura do evento a Diretora de Pesquisa e Pós-Graduação, Dra. Rosiane Guetter Mello, ressaltou a importância da integração de três importantes eixos presentes no ENEPE. “É importante lembrar que o ENEPE tem a característica de indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão. A FPP permite e oportuniza essa integração, nós temos várias atividades onde essa integração ocorre e essa é uma grande inovação que a faculdade faz”, explicou.

A dinâmica

As apresentações dos trabalhos foram realizadas em diversas salas no Google Meet, com salas e horários específicos.  Cada aluno teve 10 minutos para apresentar seu trabalho, seguido de considerações dos docentes avaliadores. “O número de inscritos superou todas as nossas expectativas na realização deste evento, que é o primeiro deste porte realizado remotamente. Os trabalhos foram distribuídos de forma a dar oportunidade de uma aproximação das graduações”, explicou a Diretora de Extensão,prof. Me. Tatiana Forte.

Premiação

Os três melhores trabalhos por curso serão premiados com certificado, o melhor trabalho geral receberá o Prêmio Destaque Científico Profª Dra. Ivete Palmira Sanson Zagonel e será convidado para publicação na Revista Espaço para a Saúde.

O resultado dos melhores trabalhos será divulgado no Show de Talentos, que será realizado no final deste ano, com data a confirmar. 

Prêmio Jovem Pesquisador: TCC de acadêmicas da FPP é classificado como finalista

Trabalho aborda comparação de métodos de medição da filtração glomerular em pacientes idosos com idade acima de 70 anos

No próximo dia 14 acontece a premiação do prêmio Jovem Pesquisador, durante o XXX Congresso Brasileiro de Nefrologia, as acadêmicas da FPP Sofia Santos Lima Figueiredo e Amanda Berhorst, do curso de medicina, concorrem ao prêmio. 

O trabalho em questão foi concebido inicialmente como Trabalho de Conclusão de Curso das alunas e aborda questões sobre a comparação de métodos de medição da filtração glomerular em pacientes idosos com idade acima de 70 anos. Foram utilizadas três fórmulas de estimativa da filtração glomerular e analisadas a performance de cada uma delas em uma população assistida em ambulatório especializado.

“O processo de orientação é uma tarefa que cabe a nós profissionais  da educação e serve para dar um norte, orientar a direção correta a esses jovens pesquisadores, respeitando os procedimentos científicos. Nesse caso, chamou atenção a vivacidade e a capacidade das alunas na trilha desse processo. Além de um tema de pesquisa extremamente relevante para aplicação clínica, a condução do estudo foi sempre pautado dentro do rigor metodológico e com excelência por parte delas. Assim, ficou muito prazeroso orientá-las e observar essa trajetória. São merecedoras dessa indicação sem dúvida!”, afirma a docente Andressa Miguel Leitão, orientadora do trabalho. 

Entre os achados relevantes do trabalho está a verificação de que uma das fórmulas apresenta uma performance que permite redução dos custos de solicitação de exames laboratoriais, o que pode impactar nos custos de tratamento, bem como no manejo e desfecho dos pacientes portadores de doença renal crônica.

Para o coorientador, prof. René Santos Neto,  a classificação em uma premiação relevante como o Prêmio Jovem Cientista reforça o trabalho que vem sendo desenvolvido na FPP. “Mostra que estamos produzindo trabalhos científicos de qualidade, com impacto no cenário nacional e internacional (o Congresso também abarca trabalhos realizados em Portugal), além de demonstrar que a FPP, apesar de jovem, está se estabelecendo no cenário da pesquisa científica em condições de igualdade aos grandes centros de pesquisa do país”, afirma.

Sobre a premiação

O Prêmio Jovem Pesquisador faz parte da programação do Congresso Brasileiro de Nefrologia, realizado pela SBN (Sociedade Brasileira de Nefrologia).  A iniciativa é um incentivo para que alunos de graduação e pós-graduação publiquem trabalhos de qualidade e de alto impacto científico na área de nefrologia.

 

Resultado da pré-seleção de candidatos ao Processo Seletivo

A Faculdades Pequeno Príncipe torna público o edital que divulga o resultado da pré-seleção de candidatos ao Processo Seletivo para ingresso no Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia Aplicada à Saúde da Criança e do Adolescente.

Clique aqui e confira!

Os selecionados serão contatados pelos orientadores.

10% dos casos graves de COVID-19 são causados por ataques autoimune, diz pesquisa

Descoberta faz parte de consórcio mundial que tema a Dra. Carolina Prando, médica e pesquisadora do Complexo Pequeno Príncipe como encarregada da pesquisa no Brasil

Dois artigos publicados na última quinta-feira, (24), em uma das principais revistas científicas do mundo, a Revista Science, revelam que 10% dos casos graves da COVID-19 são causados por ataques autoimune, ou seja, nestes pacientes o corpo produziu anticorpos que atacaram o próprio sistema imunológico e não o vírus. O resultado faz parte da pesquisa conduzida pelo Covid Human Genetic, projeto mundial que tem a participação de dois brasileiros na diretoria internacional, Dra. Carolina Prando, docente-pesquisadora da FPP no Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Aplicada à Saúde da Criança e do Adolescente, e Antonio Condino Neto, da Universidade de São Paulo (USP).

De acordo com o estudo em 10,2% dos pacientes afetados pela forma grave do COVID-19 os pesquisadores identificaram anticorpos que atacaram e neutralizaram o Interferon tipo I do próprio paciente, fazendo com que as células expostas ao plasma dos pacientes não conseguissem evitar o ataque do novo Coronavírus.  Os Interforons tipo I contribuem para a primeira linha de defesa antiviral, eles lançam uma resposta local imediata e intensa quando um vírus invade uma célula, fazendo com que as células infectadas produzam proteínas que atacam o vírus.

Ainda de acordo coma publicação esses casos são mais frequentes em pacientes do sexo masculino: 12,5% dos pacientes que desenvolveram casos agudos tiveram a condição agravada pelo próprio sistema imunológico, enquanto 2,6% das mulheres apresentam a mesma condição.

Já a outra publicação revela que outros 3,5%, pelo menos, dos pacientes carregam um tipo específico de mutação genética, o que afeta a resposta imunológica. “O estudo busca compreender fatores genéticos, individuais ou populacionais, que definem porque uma pessoa tem COVID-19 grave e pode até morrer por esta doença, enquanto outros têm sintomas leves ou, mesmo expostos ao vírus, não desenvolvem a doença. Sabemos de alguns fatores de risco para maior gravidade da doença (idade, obesidade, diabetes, hipertensão), mas isso não explica a totalidade das formas de manifestação da COVID-19”, explica Carolina.

A pesquisa

Os pesquisadores examinaram amostras de sangue de mais de 650 pacientes que foram hospitalizados por pneumonia com risco de morte devido à infecção pelo SARS-CoV-2 (14% morreram). Os resultados publicados na Revista Science referem-se a amostras coletadas na Europa, Ásia, América Latina e Oriente Médio. As amostras brasileiras serão incluídas posteriormente.

Com a publicação dos estudos, agora os pesquisadores se preparam para dar início aos ensaios clínicos, que devem indicar possíveis intervenções terapêuticas para combater os resultados divulgados.